Heart Connection with Deva Avani & Geetesh

Heart Connection – A Tantra Journey com Deva Avani & Geetesh

Numa época em que as formas e possibilidades de comunicação são cada vez mais e maiores, a humanidade vive cada vez mais a solidão, o abandono, a rejeição. Criando um espaço de anseio de experimentar uma conexão significativa, receptiva e amorosa com a nossa individualidade e colectividade, sendo a sexualidade é uma das chaves essenciais para o crescimento pessoal e espiritual. Num caminho de crescimento em maturidade emocional, começamos a desejar um estado mais profundo de presença dentro de nós mesmos, com nossos parceiros e relacionamentos.
Dentro da arte dos relacionamentos, o movimento do amor imaturo para o amor maduro é um movimento e desenvolvimento natural do coração… um presente… um mistério que precisa ser revelado e manifestado.

Para nós, Tantra é sobre conexão olho no olho, é cheiro, é riso, é brincadeira, é abraço. O tantra está muito além dos tabus impostos e é sobre presença e meditação. Quando falamos sobre tantra, falamos sobre amor nascido e nutrido no coração.
Tantra é um estilo de vida, é sobre presença, sobre conectar com as emoções e sensações, conectar com o outro. O tantra és tu e está dentro de ti.

Neste encontro propomos explorar a forma como sentes e expressas a intimidade, confiança e prazer contigo mesmo e com o outro.

Deva Avani

“Tenho desenvolvido o meu trabalho como terapeuta conectado com o meu próprio processo de descobertas, desenvolvimento e crescimento pessoal. Com a generosidade da Vida tenho tido a oportunidade de me cruzar com Mestres, Terapeutas, Clientes e Amigos que me têm apoiado nesta profunda aprendizagem de cuidar do outro com respeito, amor, compaixão e alegria. Um total espaço de presença.
Durante 15 anos caminhei profissionalmente como Professora de Atividades Desportivas e Personal Trainer, colaborando com vários ginásios e health clubs, o que me trouxe um profundo conhecimento do corpo humano mas sempre sentindo que somos muito mais do que esse corpo.
Em 2003, abro-me, finalmente, à descoberta e estudo do “Interior”, das emoções e energias, começando com o Reiki. Depois, foi, e continua a ser, o enraizar e voar com várias viagens internas e externas; mergulhando em mim (sim, sou a minha primeira cliente) e aprendendo com seres que mais que professores se tornam, também, amigos e parceiros. E, neste caminho a partilha destas técnicas como Pulsation, Meditação Ativa, Renascimento, Tantra, Primal, Ayurveda, entre outros, tem sido uma benção.
Para mim, tudo começa e termina na presença da conexão do corpo, coração e alma, comigo mesma e com os outros. Tomar consciência da nossa individualidade e humanidade é a janela para o nosso relacionar mais presente e honesto. É sempre com alegria, amor e gratidão que facilito estes encontros.”

Geetesh Marcos Jucá

“Nasci no Brasil em 1963, tenho desenvolvido trabalhos de auto-conhecimento e crescimento pessoal desde 1979, estudando e trabalhando com diversas técnicas de terapias holísticas. Tive o meu primeiro contato com o Tantra em 1997 passando por diversas escolas destacando o trabalho de Homa e Mukto.
Sou instrutor desde 1996 de Cursos de Formação de Massagem Ayurvédica em diversas cidades do Brasil e Portugal. Em 1998 conheci o trabalho de Constelações Familiares, dedicando-me a estudá-lo e a acompanhar diversos terapeutas em Formações e Workshops, iniciando em 2000 o trabalho como facilitador. Em 2012 tive a oportunidade de reciclar e ampliar os meus conhecimentos sobre Constelações com Svagito.
Academicamente, cursei Psicologia na UFPB.
Em 2007 aprofundei, na Índia, os conhecimentos em Medicina e Massagem Ayurveda com a Mestra Kussum Modak e a Dra Arti. Participei em diversas formações na Osho Multiversity (Poona – Índia) e sou líder da AUM Meditation formado pela Humaniversity (Holanda).
Também formado em Renascimento (Rebirthing), utilizo Aura-soma, Florais e Bio-Energética como suportes nos meus trabalhos individuais e de grupo.
Desde 2011 integro o staff de terapeutas da Osheanic International no Brasil, onde vivo.”